Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Filosofia Medieval (Cód: 106397)

Boni,Luis Alberto de

EDIPUCRS

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 26,00
Cartão Saraiva R$ 24,70 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Filosofia Medieval

R$26,00

Descrição

O século XX conheceu um fenômeno único: o do desaparecimento do latim como língua culta do Ocidente. Desde a queda do império romano até o século XVI foi relativamente pouco, no mundo acadêmico, o que se escreveu em outra língua. Depois durante cerca de 3 séculos, a Filosofia moderna trabalhou com o latim e a língua vulgar.
No início do século passado as línguas vulgares tiveram livre acesso à universidade, mas o latim continuou sendo língua franca. Além disso, permanecia como língua oficial da Igreja Católica não só para a administração, mas também para o culto. A partir de 1960, de maneira muito rápida, a língua de Cícero perdeu espaço: nem os acadêmicos se comunicam nela, e nem a Igreja reserva-lhe a importância de outrora.
O presente livro tem o objetivo didático de possibilitar aos alunos o contato direto com os textos de alguns dos principais pensadores medievais. Cada texto vem acompanhado de uma pequena biografia do autor, na qual são apontadas, de preferência, as obras dele e sobre ele em língua portuguesa.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora EDIPUCRS
Cód. Barras 9788574300962
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 8574300969
Profundidade 2.50 cm
Acabamento Brochura
CONSUMÍVEL Não
Número da edição 1
Ano da edição 2000
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 424
Peso 0.51 Kg
Largura 14.00 cm
AutorBoni,Luis Alberto de