Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Identidades , Memórias e Histórias em Terras Africanas (Cód: 2523234)

Pantoja,Selma

Lge Editora

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 30,00
Cartão Saraiva R$ 28,50 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Identidades , Memórias e Histórias em Terras Africanas

R$30,00

Descrição

Este volume foi resultado das comunicações apresentadas no VIII Congresso Luso-Afro-Brasileiro em Ciências Sociais, em Coimbra, 2004. A coletânea tem a participação de quatro brasileiros, quatro portugueses e um holandês. São três especialistas da área de literatura, uma antropóloga e cinco historiadores. Por conseguinte, Os nove capítulos apresentam várias perspectivas das questões identitárias e da memória nos processos de construções históricas. Esses temas são abordados quer nas discussões das partilhas entre sexos ou nas pertenças as crenças. As regiões africanas de destaque neste recorte foram as de língua portuguesa. A maioria dos autores estuda a África Central Ocidental, vista aqui no sentido transnacional, a partir das transposições das fronteiras dos temas locais para as demais regiões do continente. Embora, no título, se fale de “terras africanas”, essas terras ganham caráter específico ao longo do livro, como nome, cor e configuração alimentando a reflexão desses nove capítulos.


Soares, da Universidade de Évora, abre a coletânea, tocando no tema das identidades com indagações sobre quem somos, ensaiando respostas nos exemplos da poética angolana; Oliveira vai buscar a marca identitária na memorística dos provérbios angolanos direcionando sua busca na idéia de morte dentre algumas comunidades estudadas; Macêdo empenha-se na leitura das múltiplas e contraditórias faces urbanas da cidade de Luanda, ponto de convergência do “desejo nacional” angolano.
A segunda parte do livro, examina a questão de gênero e da religião centradas nas identidades, em diferentes lugares, como Guiné e Angola. Havik trata das assimetrias das agências femininas, com as ñaras e as big women na costa da Guiné, enquanto Pantoja analisa as relações de parentesco das famílias luandenses, do século XVIII, no limiar dos universos luso-Africanos. Na abordagem dos primeiros contatos entre congoleses e portugueses, Manso examina as devidas “apropriações” resultantes dessas relações, ou num termo mais polêmico, o processo de “crioulização”.
Por último, a coletânea apresenta uma terceira parte, com três capítulos, percorrendo as tensões e as representações das identidades. Pereira, a partir de um ritual de óbito, analisa a situação de integração e conflito, numa comunidade bakongo em Luanda, exemplificada pelas igrejas e as cosmologias tradicionais; de um escopo mais abrangente Oliva faz a análise das representações dos africanos nos manuais de história em língua portuguesa; finalmente, Pimenta procura conhecer o comportamento político dos brancos em Angola no contexto histórico colonial.
Reunir esses estudiosos numa única mesa (e agora em um livro) foi experiência gratificante academicamente, resultando em muitos debates com divergências e convergências sobre os temas aqui tratados. A convivência foi antes de tudo divertida, tivemos de sobeja um ambiente bem humorado ao longo dos trabalhos. Lamentamos, contudo, a ausência dos textos dos colegas angolanos que participaram da mesa com suas comunicações e nos debates, mas não foi possível ter os respectivos trabalhos a tempo para integrar a nossa coletânea.

Características

Peso 0.44 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Lge Editora
I.S.B.N. 8572382674
Altura 22.00 cm
Largura 16.00 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 191
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788572382670
Número da edição 1
Ano da edição 2006
País de Origem Brasil
AutorPantoja,Selma