Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Livro Digital

Na Igreja Dos Pobres (Cód: 8905956)

Gilson Eduardo Quintas

Clube de Autores (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 7,53
Cartão Saraiva R$ 7,53

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Na Igreja Dos Pobres

R$7,53

Descrição

Num desses dias em que tudo me parecia perdido fui pego pela depressão e a angústia veio comprometer meu alicerce de credo. Encontrando-me dessa forma, busquei refúgio num livreto... tão mais esquecido quanto eu, num canto de minha estante. Desinteressado em seu conteúdo, comecei a folhear suas páginas até que... letras destacadas em negrito fizeram-me parar e analisá-las com mais concentração: - Lembrem-se que poderão tornar-se ainda mais santos do que os maiores santos que já houve na Igreja, e que poderão fazer mais do que fizeram todos os santos juntos. Esta frase quis me dizer algo em particular, ou seja, de forma personalizada, deixando-me envergonhado diante da sensação deprimente que me envolvia naquele instante. Entendam que, depois de ler e reler esta mensagem, abasteci-me de forças novas e, com ousadia instantânea, e, sem pretensão alguma, senti dentro de mim o desejo de buscar uma santidade de vida! É... e por que não?! Ainda mais quando os dizeres me advertiam que poderiam tornar-me mais santo do que os maiores santos já reconhecidos pela Igreja. Não por querer ser mais do que foram os santos da Igreja, mas, bem mais pela necessidade de ser alguém capaz de fazer coisas boas num mundo já viciado pela violência e outras coisas mais. Foi então quando percorri por meu mundo interior querendo encontrar um lugar dentro de mim onde poderia nascer esse novo homem, esse... “santo . Dessa forma, resolvi escrever este conto: NA IGREJA DOS POBRES . E, se ao menos não conseguir me tornar um homem mais próximo da santidade, viver esse sonho nas páginas desta história já seria de grande mérito. Procurei um cenário dentro de mim, consultei minhas dúvidas e após, fui conhecendo um por um dos meus personagens até encontrar um que pudesse realizar meu desejo de sentir-me mais útil nesse sistema em que vivemos diariamente com nossas fraquezas humanas. Ângelo Carmim Fortuna - o Frei Carmim - foi o eleito a se tornar o modelo de um verdadeiro apóstolo em nossos dias, a levar para o coração dos homens de hoje uma simples mensagem de fé e de esperança para todos nós. Apesar de se tratar de um conto, de uma ficção, não deixei de trabalhar com a realidade do cotidiano, citando muitas vezes passagens que, certamente vivenciamos com frequência em nossas casas, ruas, com os amigos, Igrejas e em nossa Comunidade. Evidente que, por se tratar de uma ficção literária, qualquer semelhança com fatos e nomes que criei de acordo com a situação no decorrer desta história, será de mera coincidência. Lógico que, minha intenção única e maior ao narrar esta história foi, exclusivamente passar aos leitores o retrato de uma vida que nada tinha de extraordinária, senão seu dinamismo apostólico e vocacional. Tendo como base a carência de valores sociais e, até mesmo, espirituais que nos fazem sonhar em algum dia ver nascer um mundo novo, onde Homens renovados ergueriam “Altares em nome da Justiça e da Paz” nos quatro cantos da Terra é que me motivaram a esta aventura ocorrida num lugarejo deste vasto planeta. Procurei também salientar muitas coisas que os meus olhos de criança fotografaram em minha memória no estágio de minha infância. Como por exemplo: a capelinha quase abandonada no alto de uma serra, aonde as religiosas iam levar suas preces; os causos dos senhores que dominavam nossa atenção e as superstições que confundiam, com certa inocência, a fé dos devotos. Quero acreditar que a convicção de Frei Carmim pelo amor em Nosso Senhor Jesus Cristo fará por incentivar e, até mesmo, convencer muitos leitores a desenvolver, sem constrangimento nem radicalidade, o senso VOCAÇÃO que existe dentro de cada um. Que o seu amor para com Deus seja o elo entre sua crença e seu Irmão que sofre alguma carência e espera pela sua decisão em construir esse mundo sonhado por todos nós, sem violências e injustiças, pois a partir deste primeiro passo, de nossa mudança, depende a felicidade de muitos de nossos Irmãos. Passo,

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Clube de Autores (Edição Digital)
Cód. Barras 2999990189070
Acabamento ebook
Início da Venda 02/07/2015
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Tamanho do Arquivo 775
Proteção Drm Sim
Número da edição 1
Ano da edição 2015
Idioma Português
Número de Páginas 157 (aproximado)
Ano da Publicação 2015
Mês da Publicação JUNHO
VOLUME 1
Peso 0.00 Kg
AutorGilson Eduardo Quintas

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Na Igreja Dos Pobres