Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

O Discurso Sobre A Anormalidade Nas Práticas Judiciais (Cód: 7356857)

Dan,Evelin M. C.

Lumen Juris

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 60,00 em até 2x de R$ 30,00 sem juros
Cartão Saraiva R$ 57,00 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 20,00 sem juros

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 2x sem juros de R$ 0,00


O Discurso Sobre A Anormalidade Nas Práticas Judiciais

R$60,00

Descrição

A presente obra é fruto de uma pesquisa realizada em nível de Mestrado que teve como objetivo compreender os funcionamentos discursivos, a partir das relações de sentido que se dão no interior de determinadas formações discursivas, e que por derradeiro, instalam o conflito entre o Discurso Médico e o Discurso Jurídico. Inicialmente, tomamos como material de análise, o Interrogatório de Suzane Louise Von Richthofen, vinculado ao processo n. 052.02.4354-8, realizado em 03 de dezembro de 2002, na cidade de São Paulo, no I Tribunal do Júri, visando trabalhar os conceitos de paráfrase, polissemia e metáfora, procurando compreender como os objetos simbólicos produzem sentidos por/para sujeitos, levando em consideração a noção de formação discursiva, que deriva das condições de produção e nas quais os sujeitos se inscrevem ao tomar posição diante do dizer. Em um segundo momento, tomamos, como material de análise, a Sentença Denegatória da Progressão de Regime proferida em 15 de outubro de 2009 constante nos autos de Execução Penal n. 677. 533, de referida parte, vinculados à Vara de Execuções (VEC) de Taubaté-SP, buscando, para tanto, a compreensão das implicações trazidas pelo discurso sobre a anormalidade nesta decisão buscando ainda avaliar, sobretudo os mecanismos institucionais que promovem o funcionamento desse tipo de discurso no aparelho jurídico.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Lumen Juris
Cód. Barras 9788537525104
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788537525104
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2014
Idioma Português
Número de Páginas 140
Peso 0.19 Kg
Largura 14.00 cm
AutorDan,Evelin M. C.

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: O Discurso Sobre A Anormalidade Nas Práticas Judiciais