Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8
e-book

O Enterro de Teobaldo (Cód: 5019667)

Odilon Ramalho de Faria

publique-se!

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 12,90

em até 1x de R$ 12,90 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


O Enterro de Teobaldo

R$12,90

Descrição

Este romance relata a inusitada trajetória de vida de Teobaldo, um bom malandro que nasceu, viveu e morreu dentro de um mesmo prostíbulo numa fictícia cidade do interior de Minas. A sua morte e, consequentemente, o seu tumultuado e concorrido enterro, se passa no início dos anos sessenta, tendo como pano de fundo a epopeia nacional, que foi a construção de Brasília.
Nesta obra, o autor resgata da nossa memória nacional o tempo dos grandes e luxuosos bordéis, onde os antigos e poderosos coronéis regionais orgulhosamente se esbaldavam nos braços de suas prediletas, enquanto, ardilosamente, disputavam e tramavam os desígnios da política local. Contrapondo a essa obtusa autoridade extraoficial, o livro vem reverenciar a enigmática figura do malandro, o herói dos desvalidos. Este ídolo nacional sem rosto definido, que folcloricamente dá ao povo brasileiro um traço marcante de sua personalidade, isto é, seu jeito alegre, moleque e descompromissado de viver e de levar a vida, sem se preocupar em demasia com o dia seguinte.
O romance O Enterro de Teobaldo é uma leve crítica ao eterno duelo entre o sacro e o profano, entre os “bons e maus” costumes da sociedade brasileira. Enfim, é uma sátira escrita numa linguagem atual, repleta de recordações de artistas, políticos, músicas e hábitos da época com boas doses de humor e sensualidade. 
Teobaldo era um tipo de pessoa ímpar, inconfundível na sua maneira de ser. Ou era amado ou odiado. Com ele não cabia meio-termo. Era como aqueles jogos de cara ou coroa, par ou ímpar. Entre amigos ele era o máximo, mais que um herói. Um ídolo! Em contrapartida, para aqueles que só de longe, à parte dos acontecimentos, assistiam às suas façanhas e aprontações, Teobaldo não passava de um gigolô barato, um desordeiro.
Totalmente indiferente aos comentários de ambas as vertentes, ele continuava tranquilamente a trilhar seu destino de pária no mundo.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca publique-se!
Idioma 332
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Não
Início da Venda 01/08/2013
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9999050196676
Número da edição 1
Ano da edição 2013
Ano da Publicação 113
AutorOdilon Ramalho de Faria