Artboard 33atençãoArtboard 18atualizarconectividadeArtboard 42boletocarrinhocartãoArtboard 45cartão SaraivacelularArtboard 42Artboard 23checkArtboard 28Artboard 17?compararcompartilharcompartilhar ativoArtboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32ebookArtboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11fecharfilmesArtboard 23gamesArtboard 4Artboard 9Artboard 6hqimportadosinformáticaArtboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44curtirArtboard 24Artboard 13livrosArtboard 24Artboard 31menumúsicaArtboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44outrospapelariaArtboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35estrelaestrela ativorelógiobuscaArtboard 50Artboard 26toda saraivaArtboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37usuárioArtboard 46Artboard 33Artboard 8seta

O Fiador dos Brasileiros - Cidadania, Escravidão e Direito Civil no Tempo de Antonio P. Rebouças (Cód: 111320)

Grinberg,Keila

Civilização Brasileira

Vendido e entregue por Saraiva

Este produto está temporariamente indisponível no site, mas não se preocupe, você pode reservá-lo para retirada em uma loja física!

Reserve seu produto na loja para retirada em até 1 hora.
Ops! Este produto está temporariamente indisponível. Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.
Ops! Este produto está temporariamente indisponível. Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 64,90

em até 2x de R$ 32,45 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 61,66 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 2x sem juros de


O Fiador dos Brasileiros - Cidadania, Escravidão e Direito Civil no Tempo de Antonio P. Rebouças

R$64,90

Descrição

Esta obra faz uma análise, à luz da história brasileira, da biografia de Antônio Pereira Rebouças, um dos principais defensores do abolicionismo. Keila Krinberg, considerada um dos mais promissores nomes da historiografia nacional, mostra um pouco dos significados de ser preto ou pardo no Brasil oitocentista, ainda sob a influência do trabalho escravo. Explora a questão de adoção de políticas afirmativas para o combate ao racismo e coloca no centro do debate a questão das identidades raciais no país. Keila acompanha a trajetória desse parlamentar e advogado, desde o nascimento, em 1798, até sua morte, em janeiro de 1880. Analisa como o mulato Antonio Pereira Rebouças, filho caçula da mulata Rita dos Santos e do português Gaspar Pereira Rebouças, se transformou num dos maiores especialistas em direitos civis do país, além de pai do engenheiro abolicionista André Rebouças. O livro descreve como as modestas posses da família levaram Rebouças a trabalhar como escriturário em Salvador - de tanto lidar com leis, tornou-se rábula, doutor sem diploma. Advogado autodidata várias vezes deputado na Assembléia Geral nas décadas de 1830 e 1840, Rebouças funciona como fio condutor das mudanças no tratamento dos negros brasileiros. Ele é o paradigma de um novo negro: intelectual formado nos quadros da moderna cultura ocidental. Toda a carreira acadêmica e política de Rebouças são fruto das possibilidades abertas pelos princípios de igualdade e liberdade comuns no final do século XVIII. Rebouças funciona como chave de leitura para entender os dilemas da modernidade brasileira. Advogado, defendia a legalidade em nome do direito da propriedade, mas combatia a continuidade do tráfico de escravos africanos.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Civilização Brasileira
Cód. Barras 9788520006047
Altura 23.00 cm
I.S.B.N. 8520006043
Profundidade 1.90 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2002
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 350
Peso 0.62 Kg
Largura 16.00 cm
AutorGrinberg,Keila