Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8

O Réu Como Vítima (Cód: 1562540)

Boas,Marco Antonio Villas

J. H. Mizuno

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 38,00

em até 1x de R$ 38,00 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 36,10 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


O Réu Como Vítima

R$38,00

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Este livro contém um corajoso desafio histórico. Uma de suas originalidades é mostrar o lado perverso da investigação criminal quando deixa, tombados no seu caminho, os restos mortais da dignidade. Nesse caso, submetida aos rigores do procedimento inquisitivo, a pessoa humana se torna, não o sujeito, mas o simples objeto da repressão. Concluídos os trâmites, e inocentada, retorna ao cotidiano com as mãos vazias e o nome jogado abaixo da sarjeta. A verdade é que a singela investigação, não conduzida sob os cuidados necessários, pode ser uma grande fábrica de danos morais e materiais. A apuração criminal descuidada tem o dom de ferir a honra das pessoas e submetê-las aos holofotes do sensacionalismo. Ocorre, em conseqüência, a aplicação de uma pena antecipada, ainda que o decreto sentencial reconheça o puro estado de inocência. Mesmo não constatada a culpa, a sociedade condena. O que é mais grave: preso preventivamente, sobra ao homem de bem o mesmo efeito de uma condenação, como os sofrimentos no cárcere, os filhos perseguidos, o nome familiar vilipendiado e o emprego perdido. Se a Carta Constitucional garantiu o contraditório e a ampla defesa, também assegurou o direito à dignidade, como seu primado maior. Por conseguinte, assegurou ao investigado os mecanismos da indenização pelos danos sofridos. Em acréscimo, o mesmo Documento estipulou a obrigação de reparar os prejuízos que seus agentes causarem a terceiros. É a responsabilidade objetiva. O crime tem raízes mais profundas que a simples ação humana que o desencadeia. Por trás dele há convergência de forças misteriosas, alheias ao próprio infrator.

Características

Peso 0.24 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora J. H. Mizuno
I.S.B.N. 8589857611
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 0.00 cm
Número de Páginas 192
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788589857611
Número da edição 1
Ano da edição 2006
País de Origem Brasil
AutorBoas,Marco Antonio Villas