Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Obsessiva, Neurose (Cód: 1915609)

Melman,Charles

Companhia De Freud

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 45,00
Cartão Saraiva R$ 42,75 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 22,50 sem juros

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Obsessiva, Neurose

R$45,00

Descrição

O que proponho imediatamente à atenção de vocês é que o pai que o obsessivo visa é, primeiramente, para o obsessivo, o pai que está no Outro. È aquele que Lacan chama de ao-menos-um. E o obsessivo visa este pai que esta no Outro, o ao-menos-um. Também quer dizer aquele que esta no Real, e ele o visa tentando castrá-lo por seu amor. Castrar o pai por seu amor? Que historia é esta? Esta historia é a mesma de nossa religião, o pai que amamos na religião enquanto ele é puro amor por seus filhos e enquanto renunciou ao sexo. Para os gregos e para os romanos tal coisa nunca existiu, é uma criação, uma força de nossa religião ter estabelecido um pai que nos ama, que para nós é puro amor, mas que, ele mesmo, é fora do sexo. E é por isto que dou esta pequena nota clínica – com freqüência, o obsessivo ama seus avós. Vocês sempre vão poder verificar isto: ele sempre tem um apego particular pelos avós. Vocês me dirão, atenção, mas o Deus judeu é um Deus que não é somente puro amor, é um Deus ciumento, e também é um Deus guerreiro mas aí está a força própria, a invenção, a criação de nossa religião – é um Deus fora-do-sexo.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Companhia De Freud
Cód. Barras 9788585717780
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 8585717785
Idioma Português
País de Origem Brasil
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorMelman,Charles

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Obsessiva, Neurose