Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Os Outros Que Somos - Dilemas da Identidade Contemporânea (Cód: 3661429)

Soar,Ercy

Unisul

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 35,00

em até 1x de R$ 35,00 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 33,25 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Os Outros Que Somos - Dilemas da Identidade Contemporânea

R$35,00

Descrição

Toda pessoa tem necessidade de reconhecer a si mesma, e de ser reconhecida, como uma pessoa única, entre tantas outras. Por outro lado, há
a necessidade de pertencimento: a sensação de que não se está só, de que se faz parte de uma família, de uma comunidade, uma religião, uma
cultura ou uma nação. A construção da identidade envolve, portanto, estas duas forças contraditórias e complementares: a vontade de ser único
e a vontade de fazer parte.

Na medida em que a tradição perde a força como fonte de conhecimentos, de modelos e regras, aumenta a reflexividade, já que tudo precisa
ser pensado, ponderado e avaliado antes que as escolhas sejam feitas. Assim, as pessoas tendem a se sentir cada vez mais inadequadas,
ao não saberem se as opções que fazem são “certas”, “saudáveis” ou “politicamente corretas”. O mais grave de tudo é que as dúvidas estendem-
se inclusive sobre a representação que cada um constrói sobre si mesmo ao longo da vida, ameaçando a sua segurança ontológica: a segurança
de sabermos quem somos, o que pensamos, como agimos, e assim por diante..

Numa sociedade onde as pessoas sentem-se cada vez mais desenraizadas, fora das redes de convivência, e sem o apoio e o reconhecimento
que as famílias e as comunidades tradicionais costumavam proporcionar, as psicoterapias ocupam, de alguma maneira, esse espaço vazio.
Talvez por isso mesmo venham se tornando parte das experiências mais comuns dos habitantes dos grandes centros urbanos. Fazer terapia é parar, e assim ganhar forças para enfrentar os obstáculos da caminhada; é entristecer-se com os erros, para alegrar-se mais adiante com conquistas; é penetrar na escuridão de nossos segredos mais bem guardados, para enxergar a luz das descobertas.

Características

Peso 0.44 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Unisul
I.S.B.N. 9788589190145
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 1.50 cm
Número de Páginas 150
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788589190145
Ano da edição 2011
AutorSoar,Ercy