Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8
e-book

Teatro da Ruptura: Oswald de Andrade (Cód: 9649245)

Magaldi,Sabato

Global Editora (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 34,30

em até 1x de R$ 34,30 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Teatro da Ruptura: Oswald de Andrade

R$34,30

Descrição

Para a crítica brasileira, Vestido de Noiva, de Nelson Rodrigues, é o primeiro marco da literatura dramática moderna no Brasil. Ninguém duvida da justeza desse juízo, quando se pensa que, ao valor da peça, se somou a brilhante montagem de Ziembinski para Os Comediantes, estreada em dezembro de 1943. Como espetáculo, realização teatral autêntica, a afirmação é definitiva. 'Sob o prisma da dramaturgia, porém, cabe reivindicar a precedência da obra de Oswald de Andrade: O Rei da Vela (escrita em 1933 e publicada em 1937), O Homem e o Cavalo (1934) e A Morta (1937). Muitas das inovações dos textos de Nelson Rodrigues já se encontram nos de Oswald de Andrade'. Este é o ponto de partida de Teatro da Ruptura: Oswald de Andrade, de Sábato Magaldi.Rompendo com a desconfiança (e, por vezes, declarada má vontade) da crítica em relação à obra teatral de Oswald, Sábato Magaldi, após uma releitura atenta de suas peças, concluiu pela 'importância excepcional dessa dramaturgia'. Expondo os seus pontos de vista com clareza e um profundo conhecimento do teatro (em sua dupla vida como obra literária e realização teatral), analisa todas as peças do autor paulista (inclusive inéditos), assinalando a evolução libertadora de Oswald a partir das primeiras experiências, redigidas em francês. O criador autêntico e inovador se firma na 'análise furiosa' da realidade brasileira e das classes dominantes, expressa em O Rei da Vela; na condenação implacável da civilização burguesa ocidental, formulada em O Homem e o Cavalo, até a busca de um novo (e talvez equivocado) caminho, na tentativa lírica de A Morta. Voltando à sua proposição inicial, Magaldi analisa semelhanças fundamentais entre a obra teatral de Oswald e de Nelson, concluindo que, se não houve influência do paulista sobre o pernambucano, pelo menos é inegável a sua precedência.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Não
Marca Global Editora (Edição Digital)
Número de Páginas 184 (aproximado)
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Brasil
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Tamanho do Arquivo 2701904
Início da Venda 04/09/2015
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788526019188
Ano da Publicação 115
AutorMagaldi,Sabato