Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Um Falcão No Punho - Diário I (Cód: 3708985)

Llansol,Maria Gabriela

Autêntica Editora

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 44,90 R$ 27,30 (-39%)
Cartão Saraiva R$ 25,94 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Um Falcão No Punho - Diário I

R$27,30

Descrição

pesar dos signos sugestivos do título, este é um anti-livro-de-ação. Ou melhor: um livro de inação. A inércia, a contemplação interior e exterior, o estranhamento, a transmutação da cultura e da natureza em escrita — são a matéria de Maria Gabriela Llansol. Na verdade, Um Falcão no Punho se refere ao impulso (vital, inevitável, catártico) de escrever, através do qual ela ressensibiliza coisas, fatos e ideias ao seu redor. A interpenetração de vida e escrita é o que a move: “Escrever é o duplo de viver”, ou: “A minha maior responsabilidade é contribuir para que um livro seja um ser”. Borrando os limites entre literatura e filosofia, assim como entre o diário pessoal e a ficção (mini enredos, pulverizados entre as anotações, envolvem personagens signos, como Bach e Pessoa, ou seu avesso, Aossê, ou seu feminino, a Infausta), Llansol cria uma mitologia própria, onde conjuga elementos díspares em improváveis jogos de sentido. O mundano se eleva, e uma complexa rede de reflexões emerge da simples observação cotidiana. “Sem normas, sobretudo mentais.” Jardins de verbo. Enredo de enigmas. Labirinto de saídas. Eis o chão que Llansol nos convida a pisar, lenta e pausadamente, onde cada frase esconde uma surpresa, um segredo, uma nova pele por baixo de outras, mais profundas, sem perder a superfície, onde as palavras se misturam à matéria incerta do mundo.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Autêntica Editora
Cód. Barras 9788575265857
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788575265857
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2011
Idioma Português
Número de Páginas 150
Peso 0.21 Kg
Largura 14.00 cm
AutorLlansol,Maria Gabriela

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Um Falcão No Punho - Diário I